quarta-feira, 1 de abril de 2015

PROMOÇÕES
 
CAIXA MEDIDA 8,5 x 8,5 x 4,5  DE ALTURA
 
DESCRIÇÃO:  Tampa pvc ( transparente)
Fundo: branco ( papel colorplus 180 gramas)
 
Valor: R$ 0,45 cada
quantidade mínima:20 unidades
Pagamento: à vista
frete: responsabilidade do cliente
entrega: á pronta entrega
 
 
 
 
A EMCAIXA ESTÁ COM VÁRIAS PROMOÇÕES
 
 
forminhas 3,5 x 3,5 branca
 
R$ 5,00 o cento
Quantidade: 5000 á 10000 unidades.
Pagamento: à vista
Frete: responsabilidade do cliente
entrega: no ato do depósito
 
11 99719 7528 ( vivo)

 

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

 
 
 
 
 
 
 
 
  
Por Leo J. Trese
É importante lembrarmo-nos de que é o aniversário de Jesus que comemoraramos no Natal, não o nosso. Milhões de pessoas pensam: “O que eu quero para o Natal?” Muito poucas pensam o que realmente se deveria pensar: “O que Jesus quer no dia do seu aniversário?”
 
Que queremos de presente no Natal?
 
Julgo não ser muito tarde para pensarmos nisso, até porque suponho que a esta altura já o teremos dito, ou insinuado, aos nossos parentes e amigos.
 
 
 
 
 
É muito agradável a troca de presentes por ocasião do Natal. No entanto, não devemos ficar tão entusiasmados com ela e com os outros festejos natalinos que esqueçamos o verdadeiro significado do dia. Os jornais, as revistas, a televisão trazem tantos anúncios e sugestionam-nos com tantos presentes – milhares! – que até podemos pensar que Deus nasceu num estábulo para termos todos os anos um lindo presente aos pés da árvore de Natal. Temos de arranjar uma maneira de nos lembrarmos sempre de que Jesus não nasceu em Belém para nos proporcionar um dia de comemoração todos os anos. Deus veio à terra com uma única finalidade: salvar almas.
Nós, a quem Deus ama tanto, estávamos perdidos para Ele por causa do pecado. Mas Ele não nos deixou ir embora sem mais nem menos. O Senhor estava disposto a fazer fosse o que fosse para nos fazer regressar ao caminho de Deus.
 
O plano divino é fantástico. Deus veio em nossa busca. Quis nascer como uma criança vulgar e morrer como qualquer outro homem. Com a sua vida e e a sua morte, pagou o “preço” pelos nossos pecados e obteve as graças de que necessitávamos. Tirou-nos do plano inclinado em que
 nos encontrávamos e colocou-nos novamente no caminho do Céu.
 
O verdadeiro significado do Natal é o inacreditável amor que Deus tem por nós. Esta é a mensagem que o Menino Deus nos dirige a partir das pobres palhas entre as quais nasceu.
 
Esta mensagem é um verdadeiro mistério! Como pode Deus amar-nos tanto, conhecendo-nos tão bem? Duvido que mesmo no Céu, depois da nossa morte, consigamos compreender completamente a resposta a esta pergunta.
 
Mas voltemos aos presentes. É muito importante para nós lembrarmo-nos de que é o aniversário de Jesus que comemoraramos no Natal, não o nosso. Milhões de pessoas pensam: “O que eu quero para o Natal?” Muito poucas pensam o que realmente se deveria pensar: “O que Jesus quer no dia do seu aniverário?”
 
 




O VERDADEIRO SIGNIFICADO DO NATAL


Visita dos magos

Os três presentes: ouro, incenso e mirra.

O Ouro representa a natureza real por ser um presente tradicionalmente oferecido a reis; o Incenso representa a natureza divina de Jesus por ser usado nos cultos aos deuses e a Mirra evoca o sofrimento e a morte futura de Jesus por ser um elemento usado para embalsamar os mortos.



- Melchior, Baltazar e Gaspar

Visita dos magos


Em vez disso, os "magos" eram sacerdotes astrólogos, talvez seguidores do Zoroastrismo. Eram considerados "Sábios", e por isso, conselheiros de reis. Podiam ter vindo de Babilónia, mas não podemos descartar a Pérsia (Irão). São Justino, no 2.º Século, considera que os Magos vieram da Arábia. Quantos eram e os seus nomes, não foram revelados nos Evangelhos canónicos. Os nomes de Gaspar, Melchior e Baltazar constam dos Evangelhos Apócrifos. Deduz-se terem sido 3 magos, em vista dos 3 tipos de presentes. Tampouco se menciona em que animais os Magos vieram montados.

Outro factor muito importante tem a ver com a existência de uma grande comunidade de raiz judaica na antiga Babilónia, o que sem dúvida teria permitido o conhecimento das profecias messiânicas dos judeus, e a sua posterior associação de simbolismos aos fenómenos celestes que ocorriam.





NATAL E O COMÉRCIO

O natal é normalmente o maior estímulo econômico anual para muitas nações ao redor do mundo. As vendas aumentam dramaticamente em quase todas as áreas de varejo e lojas introduzem novos produtos para as pessoas comprarem, como brindes, decoração e suprimentos. Nos Estados Unidos, a "temporada de compras de Natal" começa já em outubro[No Canadá, os comerciantes começam campanhas publicitárias, pouco antes do Dia das Bruxas.






 

 
PRESENTES, EMBRULHOS, PEDIDOS

PAPEL DE PRESENTE

ROUPAS, BRINQUEDOS

ELETRODOMÉSTICOS

ELETRONICOS

ENFIM, PRESENTES....


O Papai Noel : origem e tradição


Estudiosos afirmam que a figura do bom velhinho foi inspirada num bispo chamado Nicolau, que nasceu na Turquia em 280 d.C. O bispo, homem de bom coração, costumava ajudar as pessoas pobres, deixando saquinhos com moedas próximas às chaminés das casas.

Foi transformado em santo (São Nicolau) pela Igreja Católica, após várias pessoas relatarem milagres atribuídos a ele.

A associação da imagem de São Nicolau ao Natal aconteceu na Alemanha e espalhou-se pelo mundo em pouco tempo. Nos Estados Unidos, ganhou o nome de Santa Claus, no Brasil de Papai Noel e em Portugal de Pai Natal.
 
A roupa do Papai Noel
Até o final do século XIX, o Papai Noel era representado com uma roupa de inverno na cor marrom ou verde escura. Em 1886, o cartunista alemão Thomas Nast criou uma nova imagem para o bom velhinho. A roupa nas cores vermelha e branca, com cinto preto, criada por Nast foi apresentada na revista Harper’s Weeklys neste mesmo ano.
Em 1931, uma campanha publicitária da Coca-Cola mostrou o Papai Noel com o mesmo figurino criado por Nast, que também eram as cores do refrigerante. A campanha publicitária fez um grande sucesso, ajudando a espalhar a nova imagem do Papai Noel pelo mundo.
 


Origem do Natal e o significado da comemoração

O Natal é uma data em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo. Na antiguidade, o Natal era comemorado em várias datas diferentes, pois não se sabia com exatidão a data do nascimento de Jesus. Foi somente no século IV que o 25 de dezembro foi estabelecido como data oficial de comemoração. Na Roma Antiga, o 25 de dezembro era a data em que os romanos comemoravam o início do inverno. Portanto, acredita-se que haja uma relação deste fato com a oficialização da comemoração do Natal.

As antigas comemorações de Natal costumavam durar até 12 dias, pois este foi o tempo que levou para os três reis Magos chegarem até a cidade de Belém e entregarem os presentes (ouro, mirra e incenso) ao menino Jesus. Atualmente, as pessoas costumam montar as árvores e outras decorações natalinas no começo de dezembro e desmontá-las até 12 dias após o Natal.

Do ponto de vista cronológico, o Natal é uma data de grande importância para o Ocidente, pois marca o ano 1 da nossa História.  
  
   





A Árvore de Natal e o Presépio


Em quase todos os países do mundo, as pessoas montam árvores de Natal para decorar casas e outros ambientes. Em conjunto com as decorações natalinas, as árvores proporcionam um clima especial neste período.

Acredita-se que esta tradição começou em 1530, na Alemanha, com Martinho Lutero. Certa noite, enquanto caminhava pela floresta, Lutero ficou impressionado com a beleza dos pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a compor a imagem que Lutero reproduziu com galhos de árvore em sua casa. Além das estrelas, algodão e outros enfeites, ele utilizou velas acesas para mostrar aos seus familiares a bela cena que havia presenciado na floresta.

Esta tradição foi trazida para o continente americano por alguns alemães, que vieram morar na América durante o período colonial. No Brasil, país de maioria cristã, as árvores de Natal estão presentes em diversos lugares, pois, além de decorar, simbolizam alegria, paz e esperança.

O presépio também representa uma importante decoração natalina. Ele mostra o cenário do nascimento de Jesus, ou seja, uma manjedoura, os animais, os reis Magos e os pais do menino. Esta tradição de montar presépios teve início com São Francisco de Assis, no século XIII. As músicas de Natal também fazem parte desta linda festa.

 



 

 

sábado, 27 de outubro de 2012

 
GRUPO DE NEGÓCIOS E EVENTOS
 
 
 
Em nosso Grupo de Negócios E Eventos falamos sobre o mundo de negócios relacionados com o fornecimento de serviços, produtos...
 e serviços para a produção de eventos de todo tipo.

 PARTICIPE DESTE EVENTO DO GRUPO PARA SE QUALIFICAR COMO ASSOCIADO AO GRUPO DE NEGÓCIOS E EVENTOS
 
 
A EMCAIXA ESTÁ PRESENTE NO GRUPO DE NEGÓCIOS E EVENTOS


PONHA A MÃO NA CONSCIÊNCIA

Convido você, e peço que convide seus amigos, para assistirem o vídeo (é só clicar no play ou na seta ou ainda link abaixo), compartilharem,  participarem da CAMPANHA CONTRA A VIOLÊNCIA. O objetivo inicial é fazer com que as pessoas, ao assistirem ao vídeo da música CRIANÇA, A ESPERANÇA FERIDA, sejam alertadas, conscientizadas, abram os olhos para essa triste realidade, enfim que a música CRIANÇA, A ESPERANÇA FERIDA toque o coração das pessoas, e o refrão dessa música: “PONHA A MÃO NA CONSCIÊNCIA, VAMOS FAZER UM MUNDO SEM VIOLÊNCIA” não saia das cabeças das pessoas, e cada um contribua com um pouquinho, cada um faça sua parte na construção de um mundo melhor e sem violência.
Também é objetivo da música CRIANÇA, A ESPERANÇA FERIDA  conscientizar as pessoas de que podemos mudar essa triste realidade de violência com atitudes como as relacionadas abaixo, por isso participe dessa campanha, assista o vídeo (é só clicar na seta) e principalmente compartilhe com seus amigos:

ATITUDES QUE CONTRIBUEM PARA UM MUNDO MELHOR E SEM VIOLÊNCIA, OU PELO MENOS COM BEM MENOS VIOLÊNCIA:

Ensinar nossas crianças não terem comportamentos violentos; Ensinar a não praticar o ”Bullying” com seus colegas de escola; Não dar armas de brinquedo, vídeo game que estimulem a violência; Marido e mulher não brigarem na frente de seus filhos, às vezes até com agressão. CRIANÇA TEM QUE CRESCER APRENDENDO QUE A VIOLÊNCIA É ALGO TOTALMENTE ANORMAL, QUE NÃO FAZ PARTE DO SEU DIA A DIA, QUE NÃO É MODA.

No trânsito ser gentil, não brigar por causa de uma ultrapassagem, uma seta, por que demorou em sair com o carro quando o sinal está verde, etc. Quanta violência já aconteceu em razão dessas pequenas coisas? Quantas mortes já aconteceram? Quanta violência por causa dessas coisas pequenas ainda irá acontecer? DIRIJA COM RESPONSABILIDADE, CUIDE DE SUA VIDA, CUIDE DA VIDA PRÓXIMO.

Em casa, no trabalho, na rua, etc. sejamos mais gentis (troquemos o mau humor, por um sorriso, um bom dia), mais humanos, sejamos mais tolerantes, respeitemos as diferenças, as idades das pessoas, raça, sexo, cor, enfim ELIMINEMOS QUALQUER TIPO DE PRECONCEITO.

A droga é uma droga para quem usa, como financia o crime, também é uma droga para as outras pessoas, NÃO FINANCIE A VIOLÊNCIA.

Esses são alguns exemplos de que podemos sim mudar essa triste realidade, FAÇAMOS CADA UM A SUA PARTE. PENSEMOS NISSO.

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 
 


 

 
 

 
 

 
 

 
 

 
 
 

 
 

 
 
 

 
 
 



quarta-feira, 25 de julho de 2012

A EMCAIXA PARABENIZA TODAS AS AVÓS E AVÔS POR ESTE DIA

DIA 26 DE JULHO


 HOMENAGEM A VOCÊS VOVÓS



O papel dos avós na família vai muito além dos mimos dados aos netos, e muitas vezes eles são o suporte afetivo e financeiro de pais e filhos. Por isso, se diz que os avós são pais duas vezes.

As avós são também chamadas de "segunda mãe", e os avôs, de "segundo pai", e muitas vezes estão ao lado e mesmo à frente da educação de seus netos, com sua sabedoria, experiência e com certeza um sentimento maravilhoso de estar vivenciando os frutos de seu fruto, ou seja, a continuidade das gerações.

Celebrar o Dia dos Avós significa celebrar a experiência de vida, reconhecer o valor da sabedoria adquirida, não apenas nos livros, nem nas escolas, mas no convívio com as pessoas e com a própria natureza.

Aproveite esta data para mandar uma mensagem de carinho aos queridos vovô e vovó e dizer o quanto você lembra deles.



A você Vovó que nos cerca de muito carinho, de muito amor. Que nos faz todas as vontades. Que nos dá tudo sem nada pedir. Que nos ama mais que a si própria. A você, minha querida vovó, que Deus a abençoe cada dia mais. Que nos dê a bênção de sempre tê-la conosco, nos dando muito amor, nos passando experiências, nos ouvindo com carinho, nos dengando, nos orientando, nos aconselhando, nos suportando sempre com muita paciência. Você é para nós, seus netos, um grande exemplo de experiência, de trabalho, de honestidade, de paciência, de fé, de firmeza, e principalmente de muito amor. Amamos você Vovó...

sexta-feira, 29 de junho de 2012




O 1ª de Julho é o “Dia da Vacina BCG”, indicada para prevenir não só as formas graves da tuberculose, mas também a tuberculose miliar e a meningite tuberculosa. O fato de existir uma data comemorativa para a vacina demonstra a importância dela para a Saúde Pública.


Desde a década de 50, com a introdução da isoniazida como terapêutica, houve enorme avanço no controle e tratamento da tuberculose. Mesmo assim, a doença continua sendo um sério problema de Saúde Pública, não só entre os países em desenvolvimento, mas também nos países desenvolvidos.

A imunidade natural contra a tuberculose é indiscutível e justifica o fato de a infecção tuberculosa, na maior parte das pessoas, ser localizada, sem a ocorrência da doença. Essa resistência natural na espécie humana é menor nos extremos de idade, isto é, nos muitos jovens ou muito velhos, e também na gravidez



Esta vacina é a única que imuniza tanto crianças quanto adultos.
O responsável pelas primeiras aplicações da BCG no Brasil foi Arlindo de Assis, em 1927 num trabalho em parceria com o pediatra Almir Madeira.
 
 
 

sábado, 12 de maio de 2012